terça-feira, 15 de março de 2011

(notas soltas 5)

Será que o homem é capaz de amar infinitamente alguém, mais do que a si próprio?

1 comentário:

Lily disse...

A resposta mais óbvia será "Não", mas vamos acreditar que sim, que é possível, para bem da humanidade...