quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Balanço 2011

- O trabalho está em dia.
- Perdi 5kg's.
- Só faço exercicio quando me apetece (isso quer dizer que é raramente)
- Continuo só a cozinhar à semana
- Cheguei aos 25 anos sem rugas
- Não tive filhos, nem engravidei.
- As "piquices" entre mim e o mais que tudo diminuiram(mas não acabaram)
- Passei mais tempo com a familia, e também com amigos.
- Acabei a Pós-Graduação com 15 valores (acho eu)

Por fim, escrevi mais no blog, mas sem grande nexo!

Acho que 2011 foi um bom ano... Agora tenho que pensar o que quero para 2012, mas não me parece que vá começar muito bem! Tenho coisas agendadas para o dia 3 de Janeiro que já me assustam!

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Já não é Natal!

Passou o Natal... E o espirito natalicio nem sequer deu ares da sua graça!

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Boa semana! (mas não para mim)

Eu detesto chegar à segunda e sentir que o fim de semana passou e eu nem o cheguei a sentir... Estou que nem me aguento! Tenho sono, estou de má cara e de mau humor, apetece-me gritar com toda a gente, desfazer tudo à pancada. Porquê? Porquê que não tenho férias? Porquê que tenho trabalho até aos olhos... Hoje até as musicas de natal me irritam!

Arrreeee!

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

(Eu sei que já me estou a repetir mas...) Hoje é dia de festa!

O maridão faz anos... :) Mais uma festa, mais um jantar... Mais carinho para dar :)

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Hoje é dia de festa!

Hoje é o nosso 2º aniversário de casamento, o dia em trocamos umas alianças iguais a estas, mas é também o 7º aniversário de uma relação cheia de tudo, respeito, carinho, compreensão, problemas que se resolvem, discussões parvas, mas sobretudo de muito amor! Há dois anos a festa foi a muito divertida, nunca pensei que me divertisse tanto, foi uma festa muito feliz!


Parabéns a nós... Hoje é um dia com bastante trabalho, mas espero que mais logo possamos comemorar estes 7 anos bem comemorados...


terça-feira, 6 de dezembro de 2011

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

O que as redes sociais fazem...

Sabem quando se cria uma imagem de uma pessoa que só se conhece profissionalmente: que é uma pessoa bastante séria, muito certinha, toda cheia de "não me toques"...
E depois vem o facebook e apanhamos um dos maiores sustos!
Vemos que aquela pessoa é dada a loucuras e a cervejas, consegue fazer figurinhas bem estranhas,partilha as fotos TODAS que tem dos monumentos que visita durante as férias... E descobrimos que tem um vocabulario estranhamente ilimitado, e que descreve as suas fotos com citações em inglês, tipo a Fanny da Casa dos Segredos "´tas a gozar com a minha face"(dentro deste genero)...

Eu começo a achar que o facebook só existe para estragar a reputação das pessoas!

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Mesa - Cedo o Meu Lugar

Eu nao quero ser

eu nao quero pedir
mas estou a perder
e nao sei o que fazer mais….

o que eu era
desapareceu…
e quando falo parece…
parece que não sou mais eu

tento encontrar-me
desenrascar-me…
já faço a cama
ando ocupada
a tentar fugir de ti

mas mais longe
é mais perto
mais dificil fazer o correcto
do que está certo

por isso…
cedo o meu lugar
a quem te mereça
que decore os teus planos
e que não se esqueça

cedo o meu lugar
a quem te mereça
que te dê tudo
e que nem pareça

cedo o meu lugar
a quem te mereça
que fique do teu lado
e que não esmoreça…

cedo o meu lugar…
mas a seguir peço para voltar

para mim nunca foi um jogo
foi apenas um retrato
quando ficavamos bem os dois
quando as dúvidas são para depois

gosto mesmo de ti
mas tu nunca estas
nunca estas aqui
por isso…

cedo o meu lugar
a quem te mereça
que decore os teus planos
e que não se esqueça

cedo o meu lugar
a quem te mereça
que te dê tudo
e que nem pareça

cedo o meu lugar
a quem te mereça
que fique do teu lado
e que não esmoreça…

cedo o meu lugar…
mas a seguir peço para voltar

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Coisas que só aprecio quando está frio!


Com este frio o que sabe melhor é mesmo um belo capuchino, mas tenho para mim que isso me anda a atrasar a dieta! Mas sabe tão bem! Assim quentinho, ao meio da manha...

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

O que eu gosto de livros..

E hoje o "WOOK" mandou-me um vale com 11,11 euros para descontar ainda hoje a pena é que o site está todo maluco, mas hoje vou comprar um livro para ler num dia de inverno no meu sofá!

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

(notas soltas8)

A vida não é mais do que um bailar de sombras e vontades!


segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Resolução de Novembro!

Até dia 30 de novembro tenho que pesar 69 kg's, isso significa menos 4 kg's e eu vou conseguir porque depois vêm os jantares de natal, os bombons, o bolo rei e as rabanadas!
 E eu quero começar o proximo ano com 65 kg's.Vai ser duro, muito duro... E como vou ter muitas festas vou-me controlar! Aproveitar os dias de festas e portar-me bem nos outros dias, com desporto pelo meio!
Porque para comprar umas galochas elas têm que me servir nas pernas e para isso é preciso perder peso.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Eu que nem sou muito de modas...

Este ano quero umas destas:




Umas galochas, discretas, nada de muito colorido. É que isto de ir a pé para o trabalho é muito bom, mas quando chove significa ficar com os pés molhados!

Assim para o meu guarda roupa de inverno ficar completo são umas legging's pretas e outras bege, umas galochas e umas botas pretas de pele, e talvez um sobretudo estilo militar azul marinho, são para mim os essenciais, o resto ou já comprei umas coisas baratinhas ou então ainda tenho do ano passado!
Porque reutilizar e reinventar é uma boa forma de não entupir o armário!



quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Das resoluções de ano novo...

Quando começou este ano propus-me a atingir alguns objectivos, um deles era perder 20 kg's... Bem se calhar estava a exagerar, mas preciso de perder algum peso, por isso no dia 14 de setembro fui à nutricionista e no espaço de um mês perdi 3 kg's, nada mau. O problema é que desde o dia 12 de outubro só perdi 600 gramas, e assim continuo nos 73 kg's certos, nem para cima nem para baixo.

Confesso que os fins-de-semana são uma catastrofe, bebo muito pouco e tem sido sempre jantaradas com amigos e familia.

Dia 23 de Novembro tenho nutricionista e tenho para mim que vou levar nas orelhas... Ai que eu preciso de coragem!

quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Linhas Cruzadas - Virgem Suta

Reajo a esse incomodo olhar
Nem quero acreditar
Que vem na minha direção
Há dias que estou a reparar
Nem queres disfarçar
Roubas a minha atenção
Aprecio o teu dom de tornar
Num clique o meu falar
Numa total confusão
Confesso que só de imaginar
Que te vou encontrar
Me sobe à boca o coração



(Refrão)

E falas de ti
E Falas do tempo
Prolongas o momento
De um simples cumprimentar
Falas do dia
Falas da noite
Nem sei que responda
Perdido no teu olhar



É certo que sempre ouvi dizer
Que do querer ao fazer
Vai um enorme esticão
Mas haverá quem possa negar
Que querer é poder
E o nunca é uma invenção
Bem sei que este nosso cruzar
Pode até nem passar
De um capricho sem valor
Mas porque raio hei-de evitar
Se esse teu ar
Me trouxe ao sangue calor



(Refrão)

E falas de ti
E Falas do tempo
Prolongas o momento
De um simples cumprimentar
Falas do dia
Falas da noite
Nem sei que responda
Perdido no teu olhar

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

O que tornava o meu dia melhor...

 Era uma taça de morangos, bem vermelhinhos, naturalmente doces...

Uma taça de morangos chegava para tornar o meu dia mais saboraso, mais completo... Mas preferia que te deliciasses ao meu lado...

E como hoje acordei com esta ideia, acho que quando for ao café vou comprar morangos e logo vou partilha-los contigo!

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Apesar do céu cinzento...

Existem dias em que nos apetece abrir os braços e agarrar o mundo inteiro de uma só vez...

Sentir o frio e o calor, sentir o aveludado das flores e os espinhos dos cactos!

Hoje viveria de qualquer maneira, com ou sem sol, com ou sem sonhos, nos dias em que a nossa alma se sente assim, nem são necessários sonhos, basta desejos!

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Há blog's que nos inspiram...

Hoje na minha visita diária aos blogs que costumo ler, li o bagaco amarelo que escreveu algo brilhante! Com o seu total consentimento transcrevo para aqui o texto que sinceramente me fez ver o dia de outra maneira, me fez olhar para o meu marido (namorado) de outra forma, porque mesmo quando estamos com um monte de roupa em cima, ou com a "tralha" toda espalhada pelo chão, podemos partilhar aquela "mão" que por vezes nos sobra e não sermos tão egoístas! Lá pelo refogado queimar enquanto fui ao Continente e ele ficou de "deitar um olho" ao tacho, não quer dizer que a casa vá abaixo, afinal todos falhamos e eu não sou nenhuma excepção, bem pelo contrario!

E porque realmente existem textos capazes de abalar a nossa forma de viver aqui vai o texto publicado no não compreendo as mulheres:

"Com o tempo ganhei alguma dificuldade em reconhecer na "minha mulher" aquela que tinha sido a "minha namorada". Cheguei a essa conclusão numa manhã qualquer invernosa, e foi aí que passei a detestar a expressão "minha mulher".
Ela estava a tentar encontrar uma meias num monte enorme de roupa por passar, eu estava a tentar arrumar o aspirador numa despensa onde já não cabia mais nada. Caíram algumas coisas que estavam amontoadas à sorte naquele pequeno cubículo da casa e eu pedi ajuda. Ajuda aqui! E ela perguntou-me se eu achava que ela podia. Achas que posso?
Vivíamos lado a lado mas não vivíamos juntos. Nem ela me podia ajudar a arrumar o aspirador na despensa, nem eu podia ajudá-la a encontrar umas meias num enorme emaranhado de roupa. Nunca consegui explicar muito bem isso a mim mesmo, mas acho que tudo começou a acontecer quando ela deixou de ser minha namorada para passar a ser minha mulher. Fiquei a olhar para a despensa desarrumada como se aquilo fosse a minha vida, ou seja, demasiadas coisas sem importância a preencher todo o espaço existente.
O que sobrava era tentarmos ter pequenos momentos de privacidade, fosse na casa de banho a ler uma revista ou numa rápida ida ao café da frente para ler as gordas do jornal do dia. Porque esse era o problema de ela ser a "minha mulher" e eu o "marido dela". Não tínhamos os nossos momentos. Aqueles que são mesmo só nossos. É isso que distingue um par de marido e mulher dum par de namorados.
Quando me divorciei acho que foi a primeira coisa em que pensei. Se me tornar a meter noutra espero que seja com uma namorada para sempre. E repeti para mim mesmo a palavra "namorada", mesmo sem perceber muito bem o que estava a dizer."

Obrigada Bagaço pela inspiração!


quinta-feira, 15 de setembro de 2011

....

Queria estar assim dentro das tuas mãos, totalmente protegida!

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Eu sei que ando atrasada, mas fim de semana é fim de semana!

E ando atrasada porque me apetece falar sobre o 11 de Setembro, embora nem saiba muito bem o que dizer... Sei que cada vez que vejo a imagem do 2º avião a embater na 2ª torre, sinto medo, muito medo!Porque eu vi o avião, mesmo antes do jornalista Paulo Camacho, que apresentava o jornal na SIC, ter percebido o que se passava!

É estranho que desde esse dia fatídico tenho medo de ouvir um avião a passar a baixa altitude...Eu sei que vivo em Portugal, neste cantinho que não interessa a ninguém, mas a verdade é que fiquei bastante sugestionada.

Lembro-me especialmente dos dias seguintes em que o Afeganistão foi atacado e eu no inicio da minha juventude, tinha medo que por causa disso começasse uma guerra, para a qual Portugal não estava preparada...

Apesar destes acontecimentos, e ao contrario de muita gente que conheço, este dia não me tornou racista mas tornou-me menos tolerante com as religiões extremistas...

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Hoje é dia de festa!

Uma das pessoas mais importantes da minha vida faz anos... Sem essa pessoa, eu não saberia o que sei hoje, não teria o mesmo amor próprio que tenho, não seria tal qual como sou, para o bem e para o mal...

Tenho o seu "à vontade", aprendi a cantar sempre que a vida o deixa, aprendi a rir das coisas mais simples...

Também aprendi com essa pessoa a não deixar nada por dizer, a não deixar que o rancor viva no meu coração, aprendi com ela que o melhor para todos é dizer sempre o que se pensa, mesmo que não seja o politicamente correcto...Mas também aprendi a amar e dar sempre o melhor de mim.

Por tudo isto hoje é dia de festa, a pessoa que mais me ama está de parabéns...

Parabéns MÃE!

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Quando temos que viver com a nuvem do cancro...

Ter uma tia materna com cancro da mama é doloroso e preocupante, mas saber que outra tia foi agora operada e tem que fazer quimioterapia devido ao mesmo problema é assustador, tendo em conta que a minha mãe anda sempre em vigilância e que foi operada três vezes a quistos benignos.

Parece que estamos mais a mercê dessa doença que destrói a auto-estima, o amor próprio e por vezes a família, que nos rouba a alegria.

Voltar de férias e ter esta nuvem sobre a família é desgastante. Estou atrofiada.
Nem consigo trabalhar! Que raio de vida estúpida...

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Esta noite...

Esta noite, não sei se foi do cansaço, ou se foi saudade...

Sonhei contigo, sonhei que nos perdoamos, que dêmos uma segunda oportunidade...
Que nos abraçamos, que choramos, que nos achamos estúpidas, que voltamos a sentir o mesmo carinho, a mesma cumplicidade, a mesma amizade.
Talvez tenha sido saudades das nossas conversas, das nossas maluqueiras, ou então talvez seja apenas a lembrança do teu abraço.
Tenho apenas a certeza de que não saber o que acabou com a nossa amizade me continua a consumir, a matar um bocadinho mais do meu coração e da capacidade de confiar nos outros...

terça-feira, 9 de agosto de 2011

(notas soltas7)

Nem sei que diga nem sei que conte...

Nem sei em que lugar me encontro.

E por hoje é só isto que tenho a dizer!

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Estado de Alma XII

Gostava de voltar a ver esse sorriso sem essa sombra que o apaga.

Tenho saudades das tuas gargalhadas puras, sem sentir que existe uma tristeza que afecta o teu coração.
Queria poder abraçar-te e chorar contigo todas as tuas mágoas, tornar o teu coração e a tua alma mais leve. 
Mostrar-te que estás presente em todos os meus dias e que a minha felicidade depende da tua mais do que tu algum dia irás imaginar!

Gostava de poder partilhar os meus medos, mas que também me desses a conhecer os teus, para os resolvermos em conjunto.

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Apesar do céu cinzento...

Bom dia alegria... Porque hoje é quinta feira, porque  já falta pouco para o fim de semana em familia, porque hoje me sinto bem, porque o trabalho é muito, mas faz-se bem!


Hoje apesar do céu cinzento o sol acordou comigo....

terça-feira, 2 de agosto de 2011

terça-feira, 26 de julho de 2011

E se tudo correr como previsto...

Domingo lá estarei...














Isto se a fnac ainda tiver bilhetes...  Que mania de marcar sempre tudo em cima da hora!

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Visita ao stand da Nissan..

Se já andavamos loucos pelo quashqai+2 ficamos ainda pior.

Agora vamos agendar um test drive. Não sei quando vai ser, mas sinto que vou ter aquele carro!



Lily, parece que ando a seguir as tuas ideias, mas tens que compreender o quashqai é mesmo um carro apaixonante..

Estado de Alma XI

Sei que tenho de escrever, sinto que preciso de o fazer, mas não sei como!

quarta-feira, 20 de julho de 2011

O dia hoje vai durar...

Hoje é um dos dias em que me enfiava num canto escuro e sem barulho...

Em que ficava com a cabeça vazia de ideias sem ter que pensar...

Não me apetece aparar "cagadas" de ninguém, não me apetece aturar a TPM de ninguém, nem a "puta da mania" de ninguém...

Hoje estou assim: amarga! Sem paciência!

Não gosto...

Que disponham da minha vida, como querem e bem entendem...

Que decidam o que eu vou fazer, ou como o vou fazer, sem sequer saberem se eu estou de acordo!

De me sentir como me sinto hoje: amarga!


segunda-feira, 18 de julho de 2011

Dos Homens ...

O homem é por natureza um ser egoísta...

Mas não há nada que me deixe mais "fora de mim" do que o egoísmo sem medida!

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Gosto de...

Sol,
Mar,
Brisa,
Ondas,
Areia,
Livros.

Hoje só precisava disso...

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Por acaso já disse...

Que detesto esta chuva "morrinhenta"?
Que detesto esta cor do céu e que preciso de sol?

O meu cerebro com este tempo não funciona!

EStou a ficar cá com uma neura, o que vale é que é sexta-feira e logo à noite vou a uma mariscada! :)

terça-feira, 5 de julho de 2011

Férias: foram tão boas...

Tenerife estava bom, muito bom!

Calor, sol, mar, piscina, não é preciso mais nada... Mas se os preços convidarem a renovar o stock de perfumes e de cremes, ainda melhor!

Para o ano volto e talvez volte para o mesmo hotel.

Um lugar calmo, e muito bom para quem leva crianças (fui com sobrinhos), o buffet era jeitoso e como dá para ver pela foto mesmo em cima da praia, com acesso directo.

Gostei, souberam foi a pouco!

Vou esperar até à segunda quinzena de Agosto pelas proximas férias!


sexta-feira, 17 de junho de 2011

Já imaginaram...

Um vosso ex-namorado, ex-companheiro o que quiserem chamar, que devido à sua profissão possa ter acesso ao vosso e-mail, facebook, ao lixo electrónico que as vezes vemos e que produzimos, mas que tenha esse acesso não pelo lado de quem assiste, como quem lê um blog, mas sim como eu vejo as minhas mensagens que ficam apenas como rascunho aqui no blog, como os e-mail's que deito ao lixo?

Eu não imaginava que existisse gente assim... Fiquei parva com a atitude, com a desfaçatez, com a lata com que se invade a vida de alguém depois de lhe ser recusado a partilha de apenas alguns minutos da sua vida.

Fiquei abismada, fiquei enojada, fiquei assustada, nem sei mas que dizer para descrever ao ver que alguém era capaz disso. Felizmente não foi comigo, e ainda fico mais feliz ao perceber que uma miúda espectacular
se livrou de uma pessoa assim.

Gosto de....

amor.

amar.

ser amada.

sentir o calor de quem amo.

abraçar quem me ama.

ver o sorriso de quem amo.

sentir o calor que esse sorriso me dá.

fazer feliz quem me ama.

quarta-feira, 8 de junho de 2011

Nem sei como intitular

Só para avisar detesto "gentinha" pretenciosa.

Faz-me urticária, muita urticária!

quinta-feira, 12 de maio de 2011

É só para informar:

Já só faltam 13 dias úteis para o final do mês e eu com 13 empresas para fechar....

Vai ser de dia e de noite....

Se eu resistir a isto, meus queridos amigos e leitores, eu resisto a tudo!

(Este post nem tem direito a imagem devido à falta de tempo...)

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Estado de Alma X

Até onde é capaz de resistir o amor?
O que será ele capaz de suportar?
Quando é que deixa de ser amor?

Gostava de saber até onde é capaz de ir o amor, mas sobretudo o que é que o amor justifica.
Justificará dor? Noites sem dormir? Ou momentos em que apenas queremos a distância?
Todos sorrisos que o amor nos dá justifica todas as tristezas e desilusões?
Por que caminhos nos leva o amor? E até onde?

Espero que a linha do horizonte não seja o limite!

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Depois da noite de futebol...

Tenho a dizer que ver os benfiquistas de "trombas" mas a desculparem-se que estavam à espera e que foi melhor assim, que a humilhação em Dublin ía ser pior.

Bem, foi engraçado.

Parabéns ao Braga que lutou sem medo e ao Benfica que fez com que o jogo fosse de nervos até ao ultimo segundo...

E claro parabéns ao Porto que garantiu a passagem na primeira mão da eliminatoria!

quarta-feira, 4 de maio de 2011

Do que se vai vendo por aí...

Vejo o Biggest Loser americano há cerca de 3 ou 4 temporadas, e nesse tempo nunca vi nada tão degradante como vi na versão que estão a tentar fazer em português...

Então não é que a rapariga mais pesada de todos os concorrentes após ter caído na lama e de não se conseguir levantar ninguém a foi ajudar a sair de lá, onde está o espirito de equipa?

Mas pior do que isso só mesmo a produção que fez passar a imagem dela com o rabo quase todo de fora e nem sequer se dignaram a ofuscar a imagem... Qual é a graça de uma imagem daquelas? As pessoas vão para um programa desses e vão expor-se, mas há coisas que a televisão deveria evitar...Não tenho nenhum problema com rabos gordos e com celulite, porque o meu também é assim, mas aquilo é expor em demasia, é explorar ao maximo quem já é tão rebaixado pela figura que tem...

Triste produção aquela que não tem respeito pelos concorrentes.

Mas se alguém já viu cenas assim no americano avisem-me e retirarei a comparação.

terça-feira, 3 de maio de 2011

Embeiçados - Clã

Ela tem boca torta


Nariz grande

Cabelo mal cortado

Rói as unhas

Usa cunhas

Mas eu estou apaixonado



Ele tem as suas sardas

Pontos negros

Uma boca exagerada

Desafina e desatina

Mas eu estou apaixonada



Ela é ciumenta, rabugenta

Embirrenta e tagarela

intriguista e moralista

Mas eu estou louco por ela



Ele faz cenas gagas, altas fitas

Não tem confiança em mim

faz-se caro, faz-me trombas

Mas eu gosto dele assim



Diz-se que o amor é cego

Deforma tudo a seu jeito

Mas eu acho que o amor descobre

O lado melhor do que parece defeito

(5X)



Porque eu gosto, gosto dele

E ela gosta, gosta de gostar de mim
 
 
(O amor, paixão é mesmo isto... Cada vez mais gosto da musia portuguesa, tem belos poemas e verdades, sem serem lamechas, repetitivas.)

sexta-feira, 29 de abril de 2011

E quem assiste....

Critica! Seja para o bom ou para o mau...

Que ela é linda lá isso é... Tem um ar simples, elegante... Parece que nada lhe fica exagerado...

Gosto! (Se calhar é por ser morena.) 








foto ODD ANDERSEN/AFP - 29-04-2011

terça-feira, 26 de abril de 2011

(notas soltas6)

Tenho medo, muito medo...

De quê? não sei, nunca soube...Acho que a vida me assusta só por ser vida!

Acho que tenho medo de subir mais um degrau, escorregar, bater com o estomago e desmaiar... Tenho medo que mais um degrau me leve ao abismo.

quinta-feira, 31 de março de 2011

O teu nome - Miguel Gameiro

Só para afastar esta tristeza


para iluminar meu coração

falta-me bem mais tenho a certeza,

do que este piano e uma canção.



Falta me soltar na noite acesa

o nome que no peito me sufoca,

e queima a minha dor.



Falta-me solta-lo aos quatro ventos

para depois segui-lo por onde for,

ou então dizê-lo assim baixinho

embalando com carinho,

o teu nome, meu amor.



Porque todo ele é poesia,

corre pelo peito como um rio

devolve aos meus olhos a alegria

deixa no meu corpo um arrepio,

porque todo ele é melodia

porque todo ele é perfeição.

É na luz que vem.



Falta-me dizê-lo lentamente

falta soletra-lo devagar,

ou então bebe-lo como um vinho,

que dá força pro caminho

quando a força faltar.



Falta-me solta-lo aos quatro ventos

para depois segui-lo por onde for,

ou então dizê-lo assim baixinho

embalando com carinho,

o teu nome, meu amor.



Porque todo ele é melodia

e porque todo ele é perfeição.

É na luz que vem.



Falta-me solta-lo aos quatro ventos

para depois segui-lo por onde for,

ou então dizê-lo assim baixinho

embalando com carinho,

o teu nome, meu amor.

quarta-feira, 16 de março de 2011

Estado de Alma IX

Às vezes acho que viver neste país é uma m*****!

Eu tenho trabalho, que me parece estar a ser pago dentro dos parâmetros, tenho uma casa com algum conforto, tenho carro já velhinho, mas que é uma maquina de guerra, resumindo posso dizer que apesar de toda a crise que nos afecta (enquanto portugueses) eu estou bem.

À minha volta as coisas é que já não estão assim tão bem...Há gente que trabalhou durante quase uma vida para ter as suas coisas, uma pequena casa, um carro e para criar os filhos e agora por causa de gente que não sabe o que é ter que meter apenas 10 euros de gasolina no carro vê-se numa má situação. Gente que tem que contar os trocos até ao fim do mês, gente que apesar de ganhar pouco mais do que o suficiente para sobreviver paga impostos, muitos impostos. Gente que trabalha desde os 14 anos e que agora com 55 pensa que provavelmente tem que mudar de ramo porque aquele em que trabalha bateu no fundo e também porque apesar de já ter os 40 anos de descontos necessários para a reforma, ainda só tem 55 ou 56 anos e com esta idade a penalização é elevada ao ponto de a reforma ficar reduzida quase a 50%.

Sim, estes problemas estão demasiado perto de mim, tão perto que dou comigo a pensar que tenho muita sorte: trabalho, pago empréstimo e impostos, e ainda tenho dinheiro para uma ida ao cinema (que está cada vez mais cara), ou para uma ou outra extravagância.

Mas e o futuro, e se amanha deixo de ter esta sorte, como se tenta traçar as linhas do futuro com tantas contrariedades à nossa volta?

terça-feira, 15 de março de 2011

(notas soltas 5)

Será que o homem é capaz de amar infinitamente alguém, mais do que a si próprio?

Coisas que se ouvem por aí 1

" Também tenho um "defeitosito" num rim e ainda não morri, nem estou doente!"

(Um pai a comentar o facto do seu filho ter um problema num rim que pode e deve ser tratado sob pena de se tornar em algo grave quando for adulto. são comentarios destes que me fazem gostar cada vez mais dos cães e menos dos homens! Mas claro que não podemos generalizar.)

segunda-feira, 14 de março de 2011

Do fim-de-semana

Gostei...ri-me a bom rir, lembrei-me da infancia, e enquanto via esqueci tudo à minha volta, por isso é que é tão bom ver filmes de animação, são capazes de nos levar até aos melhores momentos da nossa infancia.

sexta-feira, 11 de março de 2011

Porque será que o céu cinzento influencia o meu estado de espirito?

Hoje também tenho tudo cinzento, os sonhos, os amores, até o sorriso...

Só espero que não chova, para não chover também no meu coração...

(sim hoje acordei melancolica)

segunda-feira, 7 de março de 2011

Jon Secada - Just Another Day




Simplesmente apaixonante...

quinta-feira, 3 de março de 2011

O inverno está a chegar ao fim...

Os dias estão maiores, mais quentes, as roupas ficam mais coloridas e sim o sol brilha mais vezes.

Na minha mente também, e por isso hoje dava tudo por estar assim com uma boa companhia.



domingo, 13 de fevereiro de 2011

(sem titulo)

Tenho pensado em tantas coisas e quanto mais penso, mais me dá vontade de tomar uma decisão louca...

Vejo as coisas à minha volta da seguite forma: ou uma alegria desmesurada, ou um tristeza profunda e eu estou assim, sem saber para que lado me vire...
Estou inconstante...tenho picos de humor e de sentimentos...Não gosto de me sentir assim, gosto de calma, serenidade e paz, sobretudo de espirito. Mas ultimamente não tenho tido muita.

As coisas não acalmam, não vão ao lugar como eu esperava que fossem!

De repente aquilo que eu achava que era passageiro tornou-se permanente e eu estou sem armas para lutar contra isto! As baterias estão a entrar na ultima reserva e não sei o que fazer a seguir.
Estou sem um caminho para seguir, estou a ficar longe de todos aqueles que gosto, tenho vindo a afastar-me porque não me sinto capaz de dizer e de mostrar aquilo que sinto.. DETESTO dar parte fraca. Não é que queira mostrar-me mais forte do que sou, nada disso. Simplesmente gosto de ser eu no MEU melhor.

Não sei o que fazer...não sei mesmo, estou perdida num labirinto que não me parece ter saida!

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Nós, os "tugas" e a Europa..

Vi isto no facebook de um amigo e nao resisto em partilhar aqui...



quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

E já está

O miudo sempre se decidiu....e nasceu esta noite...

Que bom, que sensação incrivel quando a familia cresce...

Já disse que adoro ter sobrinhos?

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

E hoje....

É impossivel não partilhar esta noticia, já falta menos de um dia para ser tia outra vez...

E é tão bom quando me chamam "pipa" (nome que o meu sobrinho me chama), agora vou ter mais um fofinho a fazer asneiras...

Adoro, adoro, adoro ter sobrinhos!

É que estou sempre a aprender...

domingo, 6 de fevereiro de 2011

Estado de Alma VIII

Hoje estou num daqueles dias em que acho que a vida é uma grande treta...

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Estado de Alma VII

Hoje acordei com a musica do Vitinho, porque faz hoje 25 anos, é praticamente da minha idade...

Mas deu-me uma nostalgia, uma saudade, uma vontade enorme de ser criança...

De dar um beijo e um abraço aos meus pais e dizer "Até amanhã!" com um sorriso enorme... Sentir o amor deles e ver um carinho espantoso no olhar...

Um dia quando for mãe quero ser capaz de dar esse mesmo carinho...e proporcionar esses bons momentos!

Era tão bom ser criança....

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

. . .


Não compreendo como é que uma mulher se pode deixar "dominar"  e "anular" por um homem... E sobretudo como é que consegue viver com isso...


Se até a mim me dá vontade de o "espancar", como será que ela se sente...



(Mais uma mulher fantástica que eu conheço, que se deixa anular pelo marido. Mas não é a amiga sobre quem escrevi o outro dia.)

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

....

Preciso de me rir...

Mas não tenho grandes motivos para isso...

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Estado de Alma VI

Ai....

Ter que levar com arrogância de alguém que se acha superior e que é o rei dos "Chico-espertos" e não perder a cabeça e mandar a pessoa dar uma volta ao bilhar grande é coisinha para me dar a volta ao estômago, fazer subir uns calores e ficar com uma enxaqueca mesmo dolorosa...

Nem sei que apetece fazer...que tal mandar essa gentinha para o CARA...!

Eu detesto palavrões mas há gente capaz de me levar aos arames só pelo forma como fala comigo......

Há blog's que nos inspiram...

Infelizmente tenho uma amiga assim, super extrovertida quando está sozinha com as amigas, mas quando saímos todos juntos, as amigas com os namorados e eu com o meu marido (e namorado, claro está) ela muda...Fica mais calada, nem gosta de falar das coisas que nós já vivemos juntas, quando éramos só nós.

Não percebo o que a faz ser assim, mas acho que não lhe faz bem. Se a pessoa com quem partilhamos uma boa parte do nosso coração não gosta ou não é não capaz de viver com aquilo que somos seja sozinhos ou com amigos, então será mesmo essa a pessoa que merece a partilha?

 Não sei, tenho muitas dúvidas, mas como diz a Rita, será que nunca lhes cai a ficha?


Será que não se cansam de fingir? A situação mais estranha que nos aconteceu, foi um jantar em minha casa. Estava a dar um jogo da liga espanhola, então deixamos os homens juntos e fomos as quatro terminar o jantar e estávamos a relembrar as aventuras que nos fazem rir e/ou chorar, mas quando falávamos das dela tínhamos que falar mais baixo e o namorado dela ao fim de algum tempo vinha espreitar à porta da cozinha…Estava a invadir o nosso espaço, mas sobretudo o dela…Claro que falamos dos namoros da adolescência, das paixões que não passaram de simples olhares, mas e qual o problema será que alguém consegue não ter passado mesmo que não sejam namoros sérios são no mínimo “flirts” e os companheiros também têm os deles, ninguém morre por isso, nem ninguém tem que se chatear se gostarmos de relembrar algumas “ceninhas” que se podiam fazer antes dos 18 anos…

Isto deixa-me preocupada, pois só demonstra que existem homens muito mais novos que o meu pai, mas com uma mentalidade muito mais antiquada, mas pior que isso é que existem mulheres que vivem nessa situação, nessa farsa, nessa prisão…mas por quando tempo?


(Depois de ler a questão dela comecei a escrever e acabei por ter criar um post, afinal já ía muito longo o discurso, obrigada Rita, pela inspiração)

terça-feira, 18 de janeiro de 2011

(notas soltas4)

Não "ir à bola" com alguém e ter que conviver com essa pessoa é muito natural, é até normal.

Mas ser capaz de afastar aquele "medo" que algumas pessoas nos causam só pelo olhar, é uma sabedoria.

Aprendemos que o medo dos fantamas é bem menor, do que o medo que essas pessoas nos causam, aprendemos a ver através delas para não vermos a maldade que escondem.

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Por isso é que gosto tanto de blogs...

Há dias vi isto e como eu não gosto de lavar o cabelo de manhã, aventurei-me e comprei e só tenho a dizer que ADOREI.

Por 10 € não preciso de andar a prender o cabelo à pressa por causa daquele aspecto duvidoso...

Recomendo, já tinha utilizado outros produtos, mas este é mesmo muito bom.

E...

Hoje está um dia estranho...

Ao nascer do dia estava de um lado um sol radioso e do outro um céu escuro de nuvens a prometer chuva...

Não sei se vai chover ou se vai fazer sol, mas é mesmo bonito. O universo é capaz de nos surpreender todos os dias.

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Estado de alma V

Hoje não sei que me deu, mas acordei cedo com vontade de me levantar e olhar o dia de frente.

É raro o dia em que isso acontece e eu enfrento a vida sem receio do que o dia me reserva, mas hoje acordei assim sem receios, sinto-me capaz de virar o mundo do avesso e enfrentar as consequências.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Deolinda "Um Contra O Outro"



Adoro...adoro!

Com a mudança de ano ando a pensar nisto...

Existem coisas que mesmo com a viragem de década não se esquecem... as amizades perdidas e traídas, as pessoas mesquinhas e sem princípios, que nos magoam, que nos fazem ter medo e pensar bem antes de de nos deixarmos conquistar por alguém..

Depois temos as outras coisas e pessoas que nunca mais queremos esquecer, aquelas que nos fazem sorrir em qualquer dia mais cinzento, que nos ajudam a superar medos, as pessoas que nos dizem as verdades na cara  porque sabem exactamente o que temos de ouvir, aquelas que nos abraçam "por tudo e por nada"...

E é isto...a viragem de década é isso mesmo...a mudança de de números na data, nada mais! as coisas más continuam lá, mas as boas também... Agora é só uma questão de tirar o melhor deste novo ano...

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Estado de Alma IV

Depois de um longo e reflectido balanço sobre os objectivos para 2011, posso resumir nisto:

- perder 20 kg´s que tenho a mais,
- fazer exercicio regularmente (pagar a mensalidade do ginasio e só lá por os pés uma vez por mês nao conta),
- Chegar ao quarto de século sem rugas..
- Colocar o trabalho em dia,
- Fazer um estudo aprofundado sobre o SNC,
- Continuar sem filhos...
- Gozar mais e melhor o casamento, e deixar-me de "piquices",desde que ele deixe as dele...
- Cozinhar mais vezes ao fim-de-semana, sem pressas e com mais cuidado.
- Passar mais tempo com a familia e amigos.
- Acabar a pós graduação com uma nota decente (esta vai ser dificil).
- E por fim, escrever mais no blog...

E acho que é tudo!

Parece-me bem, mas vamos se isto se eu sou capaz...humm como diz o outro:"bamos a ber, bamos a ber".