segunda-feira, 3 de novembro de 2014

A história de alguns dos meus dias...

"Há dias de manhã em que um homem à tarde não pode sair à noite.."

Arre os dias que começam de trombas...

Sem comentários: