quarta-feira, 26 de setembro de 2012

A futilidade da escolha da roupa

Tenho por habito todos os dias antes de ir dormir abrir o armário e deixar a roupa que vou vestir no dia seguinte debaixo de olho...
Este foi um habito incutido pela minha mãe desde que comecei a ir para a escola, para que de manha me levantasse e me vestisse sozinha, claro que no primeiro ano de escola ela ajudava-me e vestia-me mas no 2º ano ela foi operada em Outubro e então, apesar de ter uma irmã mais velha eu tinha que me levantar primeiro do que ela para ir com o meu pai para escola. Resultado: habituei-me a escolher tudo à noite e de manha levantar-me, vestir-me, pôr o leite a aquecer, o do meu pai também e sempre me despachei bem rápido todos os dias :)

Mas voltando ao assunto que comecei, ontem olhei para o guarda roupa e pensei, não tenho nada que vestir...(informo que tenho camisolas dobradas no fundo, duas gavetas da cómoda ocupadas, os cabides cheios) e fui para a cama sem saber o que vestir. Hoje pela manha levanto-me com a mesma duvida, tirei 3 vestidos para fora e não quis nenhum, escolhi uma camisa, mas voltou para dentro do armário...depois sempre me resolvi por uns jeans e uma blusa. Depois foi o mesmo filme com os sapatos... Resultado atrasei-me, tomei o pequeno almoço a correr, meti a maquilhagem a correr e cheguei atrasada ao escritório.
Pessoal, eu sei que tenho roupa, até de mais, o armário está arrumadinho, mas não sei que me deu, nada do que lá estava me agradava... Acho que já estou em modo Outono e preciso de dar uma volta ao armário... Parece que ando sempre com a mesma roupa.

O meu momento fútil ao rubro!

7 comentários:

Cat disse...

Então imagina este cenário: engordar 15 kg e recusar-se a comprar roupa porque quer emagrecer primeiro!

Resultado: dois anos a comprar só o essencial. Actualmente tenho 4 pares de calças e 5 ou 6 blusas que me servem. mais nada! 8e a estragarem-se a grande ritomo devido a constantes lavagens)

tenho de me render às evidências e assim que puder ir investir em qualquer coisa... Está no limite do suportável...

lena disse...

Isso acontece-me muitas vezes. Então na transição de estação, nem se fala.
Beijinhos grandes

Sweet68 disse...

Isso não é futilidade nenhuma, também me acontece nn vezes, principalemente porque eu detesto comprar roupa para mim. Beijo

Fashionista disse...

já me aconteceu! Há dias em que parece que tudo nos fica mal

Filipa disse...

Hoje parecia que tudo o que tinha do armário, ou era grande ou era pequeno, ou ficava muito justo ou ficava muito largo, hoje não gostava de nada!

Joana disse...

Isso passa a vida a acontecer-me, com a agravante que eu tenho mesmo mesmo muita roupa. Normalmente nesses casos eu penso que já está na altura de dar uma volta ao armário, e há sempre coisas que (re)descubro ;)

Beijinhos :D

C. disse...

Também tenho esse hábito. Mas eu visto quase sempre o mesmo...