quinta-feira, 12 de abril de 2012

Bom dia!

Confesso que hoje estou sem vontade nenhuma de escrever... Estou em modo desanimada e não gosto de escrever quando estou assim, acho que fica triste demais, o que também não é a realidade. Estou desanimada, mas não estou triste. dá para entender? Acho que nem eu percebo...

A nutricionista foi uma seca (confesso que estou um bocado de ponta com ela e irrita-me), segundo a minha balança desde a ultima vez que fui lá eu tinha menos 700grs (com a pascoa e uns jantares pelo meio, não foi nada mau) mas segundo a balança dela eu mantive-me igual, sim 72 kg nas balança dela, nem para a frente nem para trás...  Mas tenho 2 erros a apontar à senhora:
- pesa-me com roupa e sublinho que ontem estava um frio dos diabos: tinha 2 camisolas, um cinto pesadíssimo, e umas calças de ganga de inverno (mais pesadas portanto), quando na ultima consulta estava com um simples vestido de malha, bem leve, estava um dia de calor!
- opta  por me reduzir ao pequeno almoço, e só me deixa comer 2 frutas pequenas por dia, aliás ontem retirou-me uma, só posso comer uma peça de fruta pequena ao meio da manhã, O meu pequeno almoço é às 7h da manhã um chá e meio pão e depois faço exercício e depois às 9h um copo de leite com 2 bolachas! Sinceramente, sempre gostei de tomar um bom pequeno almoço, sinto-me bem mais alimentada ao longo do dia, mas pronto, tem que ser!
Agora, vou lá pesar-me de 15 em 15 dias e mandou-me fazer uma "lista de ocorrências" uma espécie de controlo, quando falho escrevo o que comi a mais, o dia e a hora!
Isso deixou-me assim um bocado triste, sempre gostei de ter vida social e acho sinceramente que uma dieta tem que ser feita a pensar em todos os campos da nossa vida e não apenas em nós! Eu sei que cada vez que cometo um erro, ou um abuso, estou a dificultar a perda de peso, mas se isso fosse o preço a pagar, pagaria esse preço, faria mais exercício, compensaria no resto do dia, mas não queria de forma alguma restringir-me fosse do que fosse! E neste momento com o plano que ela me deu para cumprir, sinto-me a restringir a minha vida a uma mera dieta e não pode ser assim! Sinto que tenho que passar a vida a pensar no que posso eu não comer e eu nunca fui assim! Sempre me controlei, inconscientemente, se comi um gelado hoje só como daqui a um mês outra gulosice, mas nem pensava nisso, era natural em mim fazê-lo!

Mas agora sinto-me um pouco presa, sem opções, percebem?
Isso ontem fez-me fazer um coisa que eu nunca fiz, assim para me vinga do meu corpo comi drageias de licor, umas 10 ou 15, acho eu!
No fim senti-me mal e decidi fazer algo para me organizar melhor, fiz um inventário do congelador, outro do frigorífico e preparei um menu semanal par ao resto desta semana e para a próxima! Mas continuei desanimada, fui-me deitar assim e levantei-me assim sem pachorra para o exercício e não o fiz deixei-me estar na preguiça até às 8h...

Eu sei que não posso estar assim, mas há coisas que me afectam e aquela nutricionista está a ter a capacidade de me afectar mas para o mau sentido!

Bem não se preocupem, eu não estou assim tão triste, estou só chateada!

11 comentários:

Fashionista disse...

não desanimes! Contorna o problema! Se te pesa com roupa, leva roupa mais leve no dia das consultas!
A fruta tem muito açucar e quem quer emagrecer tem mesmo de limitar o nº de peças de fruta! Ela fez bem.
Quanto ao pequeno-almoço concordo contigo! Fala abertamente com ela, explica que tomas o pequeno almoço muito cedo!

A menina Pobre disse...

Já tive uma nutricionista e penso que as consultas faziam pior do que me melhoravam. Vinha de lá furiosa com ela e os nervos fazem aumentar o cortisol e isso faz engordar. Por outro lado, como não me animava não me importava se cometia deslizes. Finalmente deixei e fui ao endocrinologista, esse sim mudou tudo perdi rapidamente 5,6kg. Agora está estável porque iniciei o tratamento mas penso que continuarei a perder em breve.
Penso que deverias ponderar deixar as consultas porque está a piorar a tua situação e não te traz nada de novo. Boa sorte. Bjinhos

Senhora Salsa disse...

pois :(
eu entendo-te, mas tens de lhe dizer.
olha, no meu plano do mes passado eu tinha para comer 1 kiwi de manhã e outra fruta ao jantar.
mas descobri que se comer a peça de fruta à tarde, do que ao jntar que nao tenho tanta vontade de comer doces...

s minhs manda-me tirar a roupa... sugere-lhe isso...

tens de lhe falar... dizes que a fruta te faz falta e que um pequeno almoço bom tb (apesar que isto do pequeno-almoço toda a gente sabe...)

Mas oupa mulher... nao vamos desanimar...
este tempo tb nao ajuda nada...

Luah disse...

Fogo lá para a nutricionista, desculpa lá... não podia ser pior! Além de não adaptar às tuas necessidades e modo de vida, ainda te reduz o que é mais importante: a fruta. Na minha honesta opinião, e olha que com distúrbios alimentares acabamos por aprender muito, era preferível tirar-te pão ou leite em vez de fruta, que tem menos calorias mas mais vitaminas e saúde... Não sei que te diga... tu é que sabes o que queres fazer, mas no teu caso eu procurava outra nutricionista...*** bj

Lu disse...

Eu não sou perita em nutrição nem nada que se pareça.
Nem estou aqui para avaliar as decisões da tua nutricionista mas se não te sentes bem com ela, porque não procuras outras.
Olha, eu já estive em 4, finalmente encontrei uma que eu gosto e me sinto bem.
Na primeira consulta perguntou pelos meus hábitos alimentares, questionou sobre os meus gosto e disse que o objectivo dela seria fazer um plano que fosse de encontro com aquilo que eu gosto (dentro do possível, claro), porque claro, quando nos privamos de tudo o que gostamos acabamos por cair em maiores tentações. Como o episódio que referiste das drageias de chocolate.
Mas podes sempre tentar falar com ela.
Bjinhos e fica bem

Pizza disse...

Bem, eu não estou a concordar nada com isto. Fazer dieta / mudar de hábitos é e deve ser uma decisão tua! Mas isso não tem que ser sinónimo de sofrimento, habituação, frustraçao... nada disso! Tem que ser uma coisa que te dê prazer de fazer! Todas as minhas refeições dão me prazer e é por isso que consigo levar tudo para a frente... não aceitava nada que me viessem restringir as peças de fruta ou obrigar a separar o meu peq almoço quando a refeição q eu mais gosto é o peq almoço! Desculpa lá mas se não estás contente c o teu plano tens mesmo que falar c a tua nutricionista sobre isso, porque esse é o primeiro passo para o fracasso... percebes me?

Eu tomo um óptimo peq almoço, como 3 peças de fruta por dia e nenhuma é de manhã e por amor de Deus, não tenho problemas nenhuns com o peso nem engordo pcausa disso...

não me estou a gabar, só a tentar fazer-te perceber q o que ela te mudou não te prejudica, apenas de faz sentir triste e frustrada!

Fala com ela, a sério. A tua felicidade e bem-estar é q estão em questão, não precisas de ser tão drástica e exigente ctg para veres resultados!

a sério, não gostei nada de te ver assim!

Alimentação saudável NÃO tem q ser um sacrifício! Mesmo, só tens q criar e encontrar o teu próprio caminho, um caminho q te faça sentir BEM e FELIZ!

OK???
:)

lena disse...

Olá Filipa.
Eu compreendo muito bem. Mas o importante é a pessoa sentir-se bem com o que está a fazer e com a pessoa que a está a acompanhar senão nada feito. Vem o desânimo e os resultados são nulos. Por isso pense bem e encontro ânimo em pequenas coisas que a possam ajudar a continuar... Se for necessário mude de nutricionista ou fale abertamente com ela sobre o que está a sentir.
Força...
Beijinhos grandes.

Smiley disse...

Olá!
Há 1 mês abandonei as idas à nutri por essa razão. Estava cansada do esquema come sopa esta semana, para a semana não. Come 1 peça de fruta esta semana, para a semana não!
Além do dinheirão q andava a gastar em suplementos. Optei por tentar por mim, fazer um plano que consiga seguir e q me agrade. Se falhar um dia não é o fim do mundo, tendo compensar ou recomeçar até.

Por agora tenho conseguido perder peso sem sentir que estou a falhar e sem me sentir completamente presa à dieta.
Beijinho

Joana disse...

Olá!

Pois, a minha opinião é a mesma das meninas que comentaram antes de mim.

O pequeno-almoço é efectivamente a refeição mais importante do dia, porque passaste várias horas sem comer e se comeres pouco o teu corpo vai entrar em 'modo poupança' e o teu metabolismo diminui, para além de ficares em hipoglicémia (com o açúcar no sangue baixo) e com as suas consequências - cansaço, falta de concentração, etc.

A fruta é baixa em calorias e rica em vitaminas e minerais! Uma maçã tem 50 calorias por cada 100g, os morangos têm 30! Não há qualquer razão para só comeres uma peça de fruta por dia!

Eu sei que há alguns nutricionistas que proíbem a fruta e outras coisas. Para te ser muito muito sincera, isso é uma grande parvoíce, e se alguém tiver razões para dizer o contrário que o prove. O que me parece é que a tua nutricionista é uma má profissional e não consegue criar empatia contigo, por isso devias procurar outra.

A sério, não estejas a maltratar-te ;)

Beijinhos!

Beh ♥ disse...

Olá minha querida!

Eu se fosse a ti mudava de nutricionista.

Há uns anos atrás fui a uma nutricionista. Ela fez-me um plano sem querer saber muito dos meus hábitos diários nem gostos alimentares. Mandou-me pesar fruta e fatias de queijo. Achas mesmo que segui alguma coisa que me disse?

Nada!

Depois arranjei outra que conversava comigo, que ouviu os meus hábitos, os meus gostos alimentares, foi totalmente diferente.

Uma nutricionista e uma dieta não podem estar a causar desmotivação e frustação!

Quanto ao peso, a tua balança é muito mais fiedigna. Pesas-te em jejum e toda despida, não é?

Beijinho.

Sónia Santos disse...

Olá =)
Eu sublinho tudo o que as outras meninas disseram anteriormente. A nutricionista devia estar lá para te ajudar e motivar e não o contrário, fala com ela ou então procura outra profissional.
Não desanimes por causa disso,adapta o plano alimentar aos teus hábitos e gostos e tudo acontecerá muito mais naturalmente.
Beijinhos e força